DICAS, imobiliário E Figueira da Foz
Voltar \ Setor da construção recupera velocidade e cresce 2,6%.

Setor da construção recupera velocidade e cresce 2,6%.

16 dez 2017
Setor da construção recupera velocidade e cresce 2,6%.
Setor da construção recupera velocidade e cresce 2,6%.

A produção na construção aumentou 2,6% em outubro, quando comparado com o mesmo período do ano passado. Um crescimento que se deve à aceleração registada no segmento da construção de edifícios, que compensou o abrandamento verificado no setor da Engenharia Civil, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE).
Este ritmo de crescimento é o mais rápido desde pelo menos março de 2006, último mês em que há dados, escreve entretanto o Jornal de Negócios.

Segundo o INE, a construção de edifícios foi aquela em que se registou maior aceleração, passando de um aumento de 0,9% para 1,2%, entre setembro e outubro. Mas continua a ser a Engenharia Civil a deter o maior crescimento (4,8%), ainda que se tenha verificado um ligeiro abrandamento (4,9% em setembro).

O índice de emprego também registou um aumento de 2,7% em relação ao período homólogo, tal como o índice de remunerações, cujo aumento foi de 4,1% – e que regista o maior crescimento em nove anos. O setor da construção continua, assim, a dar sólidos sinais de recuperação, depois de um longo período de crise.

De recordar as últimas previsões do Instituto de Investigação Económica (Ifo, no acrónimo alemão), que revelou que Portugal vai viver um período de forte expansão no setor nos próximos três anos. Um aumento previsto de 15% entre o início de 2018 e o final de 2020, que será o quinto mais forte da Europa (num grupo de 19 países).
Veja Também